Sábado, 10 de Março de 2007

Acordei

      

  

          Acordei...

 
        Acordei em versos de luar e prata
        numa sonolência de doce magia,
     “telhados de zinco” com miares de gata
        neste mês de Março…noite fantasia!
 
       Acordei a ouvir ao longe uma flauta
      e o sopro de um Hino que era de Alegria,
       acordes de orquestra pintados na pauta
       saíam da noite abraçando o dia…
 
       Vi-te nesses traços, príncipe de mim,
       sonho adiado, fonte de pujança,
       teatro dum palco desejos de actor
 
      Observo a vida deste camarim
      com manjares de paz faço aliança
      e anseios de querer, cheios de rigor…
 
          03/07
        CarmenZita
         (In Raízes)
 
sinto-me: Uma gata!...
música: Diana Ross---I'm Coming out...
publicado por carmemzita às 01:21

link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De MT-Teresa a 10 de Março de 2007 às 09:51
Acordar com este Poema é sentir que os teus versos de "luar e prata" ao som do Hino da Alegria que tu compões..são um sopro de fantasia e beleza que se pega a quem te lê

Lindissimo

Bjs

( a foto ficou vaidosa e agradecida pela tua companhia...rsss)
De carmemzita a 11 de Março de 2007 às 19:42
Obrigada Mar!
Espero ter contribuido para um doce despertar.
E para um lindo fim de semana, já que o tempo se encarregou de ajudar.
A tua foto, fica aqui supimpa! rsrs
Parece que se dá bem com o poema...pode ser que façam criação...rsrs faremos uma exposição com lançamento de livro...vernissage 2 em 1...rsrs
Cá te espero...bem como a todos os amigos, que gostam de nos ler...
Beijinhos e uma boa estrela!
CarmenZita
De MT-Teresa a 12 de Março de 2007 às 20:38
CarmenZita
Deixei-te uma "prenda" ...vai lá espreitar...rsss

espero que gostes...

Beijitos
De carmemzita a 22 de Março de 2007 às 21:36
Mar, adorei!
Obrigado por me dedicares uma página do teu blog.
Olha, se quiseres algum poema é só tirares, eu autorizo. rsrs
Amor com amor se paga...
Beijinhos para ti.
CarmenZita
De Anónimo a 16 de Março de 2007 às 19:38
Gostei muito!

Parabéns. Lindo este seu soneto.
Escreve bem e tem muito bom gosto.

sombra
De carmemzita a 22 de Março de 2007 às 21:50
Sombra
Obrigado pela sua visita e palavras de apreço.
Fico feliz por saber que estende por aqui, um pouco da sua sombra...
Continue a mostrar-se, e espero que leve desta página, alguma satisfação.
Um abraço
CarmenZita
De Eu a 16 de Março de 2007 às 19:39
Adorei como sempre e sei que vais saber que sou eu, porque tb comentas o meu blog. Dou-te uma pista sou de almada e o meu gato morreu faz uns tempos.
Adoro o teu escrevinhar poético.
Fazes-me sentir romãntico, eu que tenho a mania de não o ser.
e adoro-te por isso por teres esse poder sobre mim.
Continua que nos fazes falta a nós que te somos mais intimos e não compramos livros de poesia. Thanks por estes poemas
De carmemzita a 22 de Março de 2007 às 22:01
Claro que sei quem és Diniz!
O teu gato morreu pouco tempo antes do meu cão.
Somos amigos unidos pela perda de um animal de estimação...Esses sentimentos de tristeza por vezes unem as pessoas e criam cumplicidades...
Obrigado por gostares do que escrevo. Ainda bem que te toca e faz despertar em ti sentimentos românticos, acho que isso é bom.
Informo-te que já tenho o segundo livro...fiz eu a capa. Tu, um pintor a sério não vais gostar do que eu fiz...mas a capa é minha...e eu, só pinto a brincar.
Um abraço pintor!
CarmenZita
De Joaquim Sustelo a 22 de Março de 2007 às 20:38
Muito bonito e suscita-me esta resposta:

ACORDAR...


(na sequência do teu poema Acordei)


Acordar em versos de luar e prata
É ter tido um sonho feito de poesia
Onde Amor nos chega e em nós desata
Algumas lembranças que são nostalgia

Vivências de outrora na algo pacata
Luz que no-las mostra mas onde há magia
Já que o leve sonho sempre nos retrata
O que na verdade o corpo pedia

Acordei em versos de um poema nobre
Metáforas de mim onde se me encobre
O que a metáfora nem sempre revela

Vontades que tive, desejos que tenho...
Sonhos por que anseio, onde me entretenho,
Ou quadros que pinto com tinta ou sem ela...

Beijo
Joaquim Sustelo
De carmemzita a 22 de Março de 2007 às 22:08
Olá amigo poeta!
Vieste visitar-me e aproveitar para duetar comigo.
Sabes como fiquei contente, quando finalmente me repondeste poeticamente a este meu soneto.
Gostei!
O facto de passares por aqui, e deixares rasto, faz-me " rasgar um sorriso"
Obrigado
Um beijinho
CarmenZita

Comentar post

.mais sobre mim

.Quem vem lá????

online

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Relógio

0000rawp
   

.links

.A minha musica

.posts recentes

. Sou mulher, e fiz-me ao...

. Contigo

. Ode ao rio Douro

. Que vício!

. Foz do Lisandro

. A Promessa

. Gaivotas do meu País

. A poesia

. Cheires

. Que saudades

.Nomeação da Amiga Vivências

.tags

. todas as tags

.As Minhas Visitas

Circuit City Coupons
Circuit City Coupons

.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2012

. Agosto 2012

. Janeiro 2012

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.pesquisar

 

.Eu apoio a Raríssimas

.subscrever feeds